VIB Show 

Alta de gasolina, para o consumidor, deve ficar entre 5% e 7%
Publicado em 2015-01-20 11:10:38




 

Depois que o ministro Joaquim Levy (Fazenda) anunciou nesta segunda-feira (19/1) a mudança nos tributos sobre combustíveis, a Petrobras divulgou nota com a decisão sobre os preços da gasolina e do diesel. A estatal limita-se a informar que "o preço líquido para a Petrobras (ficará) inalterado". A Petrobras indica, assim, que vai repassar a nova tributação para os preços, e a gasolina e o diesel vão aumentar na refinaria.
 
O exato impacto desse reajuste, para o bolso do consumidor, só será calculado pelas distribuidoras. Estima-se, contudo, que o reajuste fique entre 5% e 7% nas bombas, com consequências na inflação.
 
Segundo a nota da companhia, o aumento dos tributos sobre os dois combustíveis vai fazer com que "os preços desses derivados nas refinarias serão acrescidos dos valores de PIS/Cofins e Cide, ficando o preço líquido para a Petrobras inalterado". Se a empresa não repassasse o aumento de tributos, que terá impacto imediato nas refinarias, passaria a receber cerca de US$ 55 por barril, contra os US$ 100 atuais.


<< Notícia anterior              Próxima notícia >>

 

 


Rádio FAMA noticias




Rádio FAMALEGRE FM 104,5
Rua Vila Machado, 117 - Centro - Alegre (ES)
Contatos: (28) 3552-1996 (comercial) / 3552-0836 (ouvinte)
© 2005-2013 - Todos os direitos reservados
www.fama104.com.br