Forrogode 

Eleições 2016: PT perde mais da metade das prefeituras; PSDB lidera nas grandes cidades do país
Publicado em 2016-10-11 09:38:37



 
Depois de todos os votos apurados no último dia 02, o PMDB continua o partido que mais elegeu prefeitos neste ano. O PSDB e o PSD cresceram e o PT encolheu no primeiro turno das eleições municipais de 2016 - perdeu mais da metade das prefeituras em quatro anos, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
 
Nas capitais, o PSDB foi o que mais elegeu prefeitos no primeiro turno - João Doria, em São Paulo, e Firmino Filho, em Teresina - e é o que vai disputar mais prefeituras no segundo turno: oito ao todo. O PMDB é o segundo com mais disputas no segundo turno: 6.
 
Desgastado pela Operação Lava Jato e após o impeachment de Dilma Rousseff, o PT elegeu apenas um prefeito em capital: Marcus Alexandre, em Rio Branco. Em 2012, foram quatro. O partido só vai disputar uma prefeitura em capitais no segundo turno.
 
Esse panorama dificilmente deve mudar no país no segundo turno, que ocorrerá em 55 cidades neste ano. O PSDB está em 19 disputas à prefeitura. Em seguida aparecem o PMDB, com 14, PSB, com 9, PDT, com 8 e PPS, PSD e PT, com sete cada.
 
Se consideradas apenas as maiores cidades com país, com mais de 200 mil habitantes, o PSDB lidera com 14 prefeitos eleitos, contra 7 do PMDB e 3 do DEM. PP, PSD e PPS somaram dois cada. O PT, que elegeu apenas um prefeito em cidades grandes, havia eleito nove em 2012.
 
Em municípios do interior, o PMDB também lidera, seguido pelo PSDB, PSD e PSB. O PSDB avançou em comparação com 2012 nessas cidades, passando de 685 para 791 prefeitos eleitos. O PT, que tinha eleito 629 prefeitos naquele ano, passou a 255.
 
Região Sul
 
Aqui no Sul, o resultado também não foi muito diferente. Em Alegre, o eleito foi José Guilherme Gonçalves Aguilar, do PSDB. O ex-prefeito obteve 50,86% dos votos, enquanto seu principal adversário, Nirrô (SD), obteve 29,82% dos votos. Em terceiro lugar ficou Alexandre Nazário, do PT, com 10,29%, seguido de Zé Pedro (PSD), com 7,65% e Tulli (PSOL), com 1,38% dos votos. Votaram em Alegre 18.937 eleitores, e o total de abstenções foi de 3.661 (16,20% do total).
 
Em Jerônimo Monteiro o prefeito eleito foi Sergio Fonseca, do PSD, com 42,83% dos votos, seguido de Edson Bodin (PMDB), com 34,57% dos votos e Professora Luiza Liparizi, com 22.60% dos votos. Votaram 8196 eleitores, sendo que 1571 deixaram de votar (16,08%).
 
Em Ibitirama o resultado foi mais apertado. Com a presença de apenas dois candidatos, o vencedor foi Reginaldo, do PMDB, com 59,80% dos votos, tendo seu adversário, Renan Leal obtido 40,20% do total de votoso. O índice de abstenção em Ibitirama foi bem mais baixo que a média do pais. Apenas 435 eleitores não votaram, o que representa apenas 7% do eleitorado.
 
Em Muniz Freire, Dr. Carlinho (PROS) foi eleito com 43,03% dos votos, seguido por Dito (PDT), com 41,14% e Rodrigo Pope (PSDB), com 15,83% dos votos. Indice de abstenção de Muniz Freire foi de 15,23%.


<< Notícia anterior              Próxima notícia >>

 

 


Rádio FAMA noticias




Rádio FAMALEGRE FM 104,5
Rua Vila Machado, 117 - Centro - Alegre (ES)
Contatos: (28) 3552-1996 (comercial) / 3552-0836 (ouvinte)
© 2005-2013 - Todos os direitos reservados
www.fama104.com.br