Frequência Máxima 

Para Aécio, 'falência da política' explica candidatura de Luciano Huck
Publicado em 2017-11-13 10:20:13




 

O senador Aécio Neves disse que a "falência da política" é a responsável pela pré-candidatura do apresentador Luciano Huck ao Palácio do Planalto. "É um pouco da falência da política, do momento de desgaste generalizado pelo qual passa a política. O Luciano é um sujeito muito capaz, inteligente, mas agora é preciso conhecer o que ele pensa sobre as mais variadas questões que demandam a posição de um homem público”, afirmou o senador. “O tempo é que vai dizer se ele está ou não preparado para esta missão", disse o tucano após participar da convenção estadual do PSDB-MG. 
 
Aécio é amigo de Huck e recebeu apoio dele na eleição presidencial de 2014. Luciano Huck participou nas últimas semanas de três reuniões com líderes do PPS para discutir cenários eleitorais e a filiação ao partido de membros do movimento Agora! , do qual participa. Os encontros trataram de eventual candidatura do próprio apresentador. Pessoas que participaram das reuniões classificaram as conversas como “iniciais e promissoras”.
Sobre seus próprios destinos eleitorais em 2018, Aécio disse que "estará nas urnas" no ano que vem. O senador não quis deixar claro a qual cargo pretende se candidatar, mas afirmou não haver "cogitação" de tentar vaga na Câmara dos Deputados. O presidente reeleito do PSDB-MG, Domingos Sávio, disse que o senador deve concorrer à reeleição ao Senado ou ao governo de Minas Gerais.
 
Futuro político de Luciano Huck gera mal-estar na Globo
 
Apontado como possível candidato a um cargo público nas próximas eleições, Luciano Huck tem pouco tempo para decidir seu futuro. Porém, a possiblidade de não ter mais o apresentador aos sábados tem gerado mal-estar nos bastidores da emissora.
 
Segundo o colunista Mauricio Stycer, o artista é considerado um grande atrativo de audiência e publicidade, o que gera boa parte da renda arrecadada.
Com isso, o canal estabeleceu dezembro como o mês-limite para o famoso tomar uma decisão, para que a empresa possa pensar em um programa substituto até o fim do ano.
Huck tem até o dia 7 de abri para se filiar a um partido político. A partir de 5 de julho, os pré-candidatos darão início à campanha partidária para conseguir indicar seu nome.
Com a saída do apresentador, Angélica também perderia sua vaga no canal, já que ficará envolvida na campanha política do marido.
Rumores indicam que a loira não está satisfeita com a situação e que não quer o parceiro envolvido com política. Isso porque uma candidatura mudaria completamente a rotina e os rumos de sua família.
Vale lembrar que o comunicador está à frente do "Caldeirão do Huck" desde abril de 2000.


<< Notícia anterior

 


Rádio FAMA noticias




Rádio FAMALEGRE FM 104,5
Rua Vila Machado, 117 - Centro - Alegre (ES)
Contatos: (28) 3552-1996 (comercial) / 3552-0836 (ouvinte)
© 2005-2013 - Todos os direitos reservados
www.fama104.com.br