Bom dia FAMA 

Governador monitora situação hídrica do Estado
Publicado em 2015-10-19 10:10:09



 

Com o longo período sem chuvas e baixo nível dos rios, membros do Poder Executivo Estadual estão percorrendo as bacias hídricas do Estado para monitorar os pontos de coleta d'água para abastecimento da população. Também está no roteiro as principais nascentes de água. Neste sentido, o governador Paulo Hartung realizou uma série de agendas nos municípios de Serra, Vila Velha, Dores do Rio Preto e Ibitirama. Em Serra e Vila Velha, o governador esteve acompanhado do presidente da Cesan, Pablo Ferraço Andreão, do secretário estadual de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, João Coser e do secretário estadual da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca, Octaciano Neto e visitou os pontos de coleta de água do Rio Santa Maria e Rio Jucu, respectivamente, os principais rios que abastecem a Grande Vitória. 

Esse monitoramento junto aos rios tem sido feito pelo Governo do Estado diariamente para planejamento e tomadas de decisões que amenizem as consequências da falta de chuva. O Espírito Santo está passando pela pior seca da sua história e está em estado de alerta para a escassez de água. 

Região do Caparaó 

Em seguida, na parte da tarde, também acompanhado de membros do Comitê Hídrico Estadual, Hartung esteve nos municípios de Dores do Rio Preto e Ibitirama, onde realizou um encontro com integrantes do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Itapemirim. As agendas tiveram como objetivo debater a produção e o abastecimento de água na região do Caparaó. Após a reunião, o governador realizou visitas técnicas às nascentes de Pedra Rocha, do Rio Itapemirim, Pedra Menina e nascente do Rio Preto.


"Após nossa visita posso afirmar que a situação hídrica na região está melhor que em outras partes do Estado, porque o maciço da cobertura florestal no Caparaó está preservado, ainda produzindo e estocando água. Este é o caminho e o desafio que temos para o restante do Espírito Santo. Temos que recuperar nossa cobertura florestal, principalmente nas margens dos rios e nas nascentes para aumentarmos nossa produção de água", avalia o Hartung. 

O governador disse ainda que a população necessita refletir e agir diante da nova realidade hídrica do país. "Não podemos ser predatórios. Temos que consertar tudo que foi feito de errado e estimular o desenvolvimento sustentável para nossos jovens terem oportunidades no futuro", salientou. 

O secretário Octaciano Neto falou da presença da comitiva liderada pelo governador. "Com a visita tivemos a oportunidade de ver a situação de parte das nascentes do Rio Itabapoana e do Rio Itapemirim, que são fundamentais aqui para a Região Sul, que está menos crítica que o Norte do Estado, mas que, ainda assim, precisa de muitos cuidados". 

Caparaó 

Ao todo são 11 municípios que compõem a Região do Caparaó, sendo eles Jerônimo Monteiro, Alegre, Guaçuí, São José do Calçado, Dores do Rio Preto, Divino São Lourenço, Ibitirama, Irupi, Iúna, Muniz Freire e Ibatiba. 

A prefeita de Guaçuí e também presidente do Consórcio do Caparaó, Vera Costa, também destacou a presença de representantes do Poder Executivo Estadual. "Aqui na Região do Caparaó nós temos ainda condições de recuperar o que foi desmatado e toda a desorganização que foi feita em nosso meio ambiente ao longo das décadas. O governador nos motivou ao falar sobre o Programa Reflorestar, aliado ao discurso de conscientização para a população, pois o quadro começa a reverter através da mudança nos hábitos de consumo", enfatizou a prefeita. 

 



<< Notícia anterior              Próxima notícia >>

 

 


Rádio FAMA noticias




Rádio FAMALEGRE FM 104,5
Rua Vila Machado, 117 - Centro - Alegre (ES)
Contatos: (28) 3552-1996 (comercial) / 3552-0836 (ouvinte)
© 2005-2013 - Todos os direitos reservados
www.fama104.com.br